Catedral de Bruxelas

Oficialmente chamada de Catedral de São Miguel e Santa Gúdula, a igreja é um dos monumentos mais importantes de Bruxelas. Não perca a oportunidade de visitá-la.

A Catedral de São Miguel e Santa Gúdula (Cathédrale Saint-Michel et Saint-Gudule) é um dos edifícios mais emblemáticos da cidade de Bruxelas. 

Sua construção, em estilo gótico, começou a princípio do século XIII sobre uma construção românica do século XI e não terminou até dois séculos depois. Seu estado de conservação é muito bom, pois entre 1983 e 1989 passou por uma importante restauração.

A catedral era conhecida como a Igreja de São Miguel até que, em 1047, depositaram no interior os restos de Santa Gúdula, falecida em 712. Foi então quando a igreja ganhou o nome de São Miguel e Santa Gúdula. Apesar de sua antiguidade, a igreja não ganhou o título de catedral até 1961.

No interior

O interior da catedral é mais sóbrio do que deveria, já que foi saqueada diversas vezes por iconoclastas protestantes e revolucionários franceses. Apesar disso, a catedral conserva um aspecto impressionante.

Situado à direita da nave central, se destaca um belo púlpito barroco talhado em madeira de 1699, além dos originais confessionários de carvalho do século XVII, as enormes estátuas situadas nas colunas e alguns vitrais perfeitamente conservados.

O “Tesouro” da catedral está na Capela do Santíssimo Sacramento, guardado cuidadosamente por um pórtico de ferro forjado do século XVIII. No interior são mantidos diversos objetos litúrgicos e religiosos, cálices, vários retábulos e esculturas. Na capela se destacam vários vitrais, mais amplos que os do resto da catedral, que datam de 1540.

Um detalhe que tampouco passa desapercebido na catedral é o imponente órgão Grenzing com mais de 4.000 tubos e 4 teclados.

Uma visita importante

A Catedral de São Miguel e Santa Gúdula é uma das visitas mais importantes de Bruxelas, pois é considerada a principal igreja católica da Bélgica. Sua proximidade com o centro da cidade e um amplo horário de abertura fazem com seja muito prático visitá-la em qualquer momento do dia. 

Horário

De segunda a sexta: das 7:00 às 18:00 horas.
Sábados: das 8:00 às 18:00 horas (visitas até as 15:00 horas).
Domingos: das 8:00 às 18:00 horas (visitas até as 14:00 horas).
 

Preço

Entrada gratuita.
Tesouro da Catedral: 2€.
Cripta: 3€.

Transporte

Metro: Gare Centrale e Parc, linhas 1 e 5.
Bonde: Parc, linhas 92 e 94.
Ônibus: Parc, linhas 29, 63, 65 e 66.